RESIDÊNCIA MÉDICA

PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MÉDICA EM CARDIOLOGIA DO HOSPITAL MOINHOS DE VENTO

PROCESSO SELETIVO 2018 - Clique aqui para acesso ao edital.

Prorrogação do prazo de inscrições para o Exame AMRIGS

Candidatos classificados para a segunda etapa

Candidatos classificados para a segunda etapa após recebimento dos currículos 

Resultado preliminar da análise curricular

Resultado após prazo de interposição de recursos

Resultado final por ordem de classificação

Ficha de Matrícula

Termo de desistência

1ª convocação de suplentes

2ª convocação de suplentes

3ª convocação de suplentes

4ª convocação de suplentes

5ª convocação de suplentes

6ª convocação de suplentes

7ª convocação de suplentes

8ª convocação de suplentes

 

O Serviço de Cardiologia do Hospital Moinhos de Vento foi constituído em 2004 para atender a importância das doenças do coração na população. Dentro de um hospital geral, foi consolidado um grupo de excelência, de elevado reconhecimento nacional e internacional, muitas especialistas com formação em instituições nos Estados Unidos, Canadá e Europa. Unido a isto a instituição oferece tecnologia de ponta nas diversas áreas da medicina, com preocupação constante em atualizações científicas. A área conta com todos os recursos contemporâneos para atendimento de pessoas que querem prevenir a doença até aquelas que necessitam da mais sofisticada tecnologia e estrutura hospitalar intensiva. Os profissionais que fazem parte do corpo clínico do HMV, são de comprovado nível de formação médica especializada e contam com os recursos e assistência de excelência do Hospital Moinhos de Vento.

OBJETIVOS GERAIS
Preparar cardiologistas aptos a promover a prevenção de doenças cardiovasculares e manejar os fatores de risco para as doenças cardiovasculares. Formar cardiologistas capacitados na avaliação, diagnóstico diferencial e tratamento de pacientes com doenças cardiológicas, tanto na fase aguda quanto nos quadros crônicos. Capacitar para o atendimento aos pacientes no serviço de emergência, Unidade de Terapia Intensiva (UTI), internação clínica e ambulatório; além de habilitados no emprego dos métodos diagnósticos e terapêuticos da especialidade. Na conclusão do período de residência, o cardiologista estará bem preparado para oferecer terapias baseadas em evidências para uma grande variedade de doenças e quadros cardiológicos em um ambiente de emergência, hospitalar e ambulatorial, elaborar e implementar protocolos clínicos de cardiologia baseados em evidências, auxiliar na organização dos serviços e das redes de atenção e realizar pesquisa clínica na área de cardiologia.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS
Formar médico cardiologistas com conhecimentos teóricos e habilidades em cardiologia e áreas relacionadas que capacitem o médico a identificar e solucionar os problemas do paciente com estas condições clínicas ou sob risco. Desenvolver espírito de trabalho em equipe, multiprofissionalidade e transdisciplinariedade assistencial. Desenvolver o espírito de pesquisa dentro de preceitos metodológicos éticos e humanísticos.

Ao término da Residência o médico deve estar apto a:
1. Realizar anamneses detalhadas, exame cardiovascular completo, elaborar hipóteses diagnósticas e estratificar o risco cardiovascular.
2. Definir diagnóstico topográfico, sindrômico e nosológico com precisão e estabelecer diagnósticos diferenciais.
3. Propor e orientar a investigação necessária para a confirmação diagnóstica.
4. Definir e indicar o melhor tratamento ou medida preventiva baseado em evidências científicas para cada patologia considerando a prevenção e promoção de saúde, condições agudas, crônicas e propor programas de reabilitação quando indicados.
5. Ser capaz de selecionar, analisar e interpretar cada uma das técnicas invasivas e não invasivas da especialidade, com foco no raciocínio diagnóstico e no uso racional de recursos; incluindo os métodos gráficos: eletrocardiografia, Holter, teste de esforço, teste da inclinação, Monitorização Ambulatorial da Pressão Arterial (MAPA), Monitorização Residencial da Pressão Arterial (MRPA); exames de imagem não invasivos: radiografia, ecocardiografia, tomografia, ressonância, medicina nuclear; e exames de imagem invasivos: cateterização diagnóstica, eletrofisiologia e intervenções por cateter dentro das principais patologias.
6. Saber realizar e interpretar exames não invasivos complementares.
7. Participar da elaboração de protocolos assistenciais, bem como identificar e monitorar indicadores assistenciais.
8. Desenvolver pesquisa clínica na área de cardiologia.

Pré-requisito: Clínica Médica
Duração do programa: 2 anos

Supervisor do Programa de Residência Médica em Cardiologia 

  • Dr. Sandro Cadaval

 

 

CONHEÇA OS MÉDICOS RESIDENTES DO PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MÉDICA EM CARDIOLOGIA:

  • Dr. Alfredo Ballverdú Zauk

 

  • Dr. Guilherme Cunha Ludtke

 

  •  Dra. Gabriela Fehrenbach

 

  • Dr. Ruhan Falcão Peruchi

 

MÉDICOS QUE CONCLUÍRAM O PROGRAMA DE RESIDÊNCIA MÉDICA EM CARDIOLOGIA

Ano: 2017

  • Dr. Alfredo Pukall Born

  • Dra. Gabriela Bem

Rua Ramiro Barcelos 910 Bairro Moinhos de Vento - Porto Alegre - RS | CEP: 90035-001 | Fone: (51) 3314 - 3434
Brivia